LIVE
SEARCH

Venga Venga

SHOWS

VENGA-VENGA é o projeto multidisciplinar de Ricardo Don e Denny Azevedo. Iniciado em 2013, a Venga Venga é um movimento cultural itinerante que reúne música, performance, poesia, festas, fotografia, vídeo-arte e intervenções urbanas, dialogando sobre diversidade humana, hedonismo e migrações, em forma de comoções estéticas.
O trabalho com sobreposição de elementos, o excesso de referências, a exuberância das cores e texturas, dão origens a visões caleidoscópicas, quase surrealistas, o que também se reflete na sonoridade de fusão do duo: entre o folclórico e o eletrónico, onde evidenciam suas raízes brasileiras mas com olhar global, influenciado pelos lugares onde viajam, um patchwork identitário entre passado e futuro.
Com 3 EPs (auto-editados), vários singles e remixes oficiais produzidos, o duo também tem experiência na criação de festivais e grandes eventos de rua, nomeadamente em São Paulo com mais de 50 happenings realizados em lugares como CCBB, MAC-SP, Museu da Diversidade de São Paulo, FUNARTE, MIT SP, e Bienal Internacional de Dança do SESC. Entre apresentações e residências artísticas levaram a sua música e o seu projeto artístico a Espanha, Inglaterra, França, Alemanha, Croácia e Turquia.
Vivendo em Portugal desde o início de 2019, estabeleceram uma residência artística no Musicbox em Lisboa, apresentaram-se no MIL Lisboa, no Festival Política, em Lisboa e em Braga, no Festival Artes à Rua” em Évora, no Salão Brasil em Coimbra, nos Maus Hábitos e no Pérola Negra no Porto e na Marcha do Orgulho também no Porto. Em 2019 integraram a comitiva portuguesa do Portugal Muito Maior, no festival Mama (Paris-FR) e em 2022 serão parte do cartaz dos 25 anos do Boom Festival e também do MED Festival, em Loulé.

Instagram
Youtube channel
Spotify
Bandcamp
Soundcloud
Facebook

FIND MORE
Venga Venga

VENGA-VENGA é o projeto multidisciplinar de Ricardo Don e Denny Azevedo. Iniciado em 2013, a Venga Venga é um movimento cultural itinerante que reúne música, performance, poesia, festas, fotografia, vídeo-arte e intervenções urbanas, dialogando sobre diversidade humana, hedonismo e migrações, em forma de comoções estéticas.
O trabalho com sobreposição de elementos, o excesso de referências, a exuberância das cores e texturas, dão origens a visões caleidoscópicas, quase surrealistas, o que também se reflete na sonoridade de fusão do duo: entre o folclórico e o eletrónico, onde evidenciam suas raízes brasileiras mas com olhar global, influenciado pelos lugares onde viajam, um patchwork identitário entre passado e futuro.
Com 3 EPs (auto-editados), vários singles e remixes oficiais produzidos, o duo também tem experiência na criação de festivais e grandes eventos de rua, nomeadamente em São Paulo com mais de 50 happenings realizados em lugares como CCBB, MAC-SP, Museu da Diversidade de São Paulo, FUNARTE, MIT SP, e Bienal Internacional de Dança do SESC. Entre apresentações e residências artísticas levaram a sua música e o seu projeto artístico a Espanha, Inglaterra, França, Alemanha, Croácia e Turquia.
Vivendo em Portugal desde o início de 2019, estabeleceram uma residência artística no Musicbox em Lisboa, apresentaram-se no MIL Lisboa, no Festival Política, em Lisboa e em Braga, no Festival Artes à Rua” em Évora, no Salão Brasil em Coimbra, nos Maus Hábitos e no Pérola Negra no Porto e na Marcha do Orgulho também no Porto. Em 2019 integraram a comitiva portuguesa do Portugal Muito Maior, no festival Mama (Paris-FR) e em 2022 serão parte do cartaz dos 25 anos do Boom Festival e também do MED Festival, em Loulé.

Instagram
Youtube channel
Spotify
Bandcamp
Soundcloud
Facebook

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.